Direito Digital

Machine learning, big data e inteligência artificial: qual o benefício para empresas e aplicações no Direito?

Comentários (2)
  1. Bruno disse:

    Sem que se perdesse a essência humana e a ”impressão digital” do advogado, poderia haver uma ”padronização” da dita linguagem natural contida no pedido (inicial), de maneira a facilitar a interpretação da inteligência artificial.

Deixe um Comentário

Fazer login com: